Era domingo e os raios de sol já aqueciam as primeiras horas da manhã. O ponto de encontro às 8h da manhã foi somente o começo de um dia especial para um grupo de pessoas que, acima de qualquer iniciativa tinham alguns objetivos em comuns: integração, reflexão e ação, ou seja, compartilhar momentos refletindo sobre a importância de preservar o meio ambiente. Afinal, atitudes simples movem o mundo.

Adotando boas práticas em benefício comum, a 3ª edição da Caminhada Ecológica aconteceu no dia 25, com a participação de mais de 80 pessoas, entre eles, familiares e colaboradores da Cooperativa Agropecuária Camponovense (Coocam) e membros do Motoclube Bixo do Mato. O presidente da Coocam, João Carlos Di Domenico e o prefeito de Campos Novos, Silvio Alexandre Zancanaro também estavam na Caminhada Ecológica.

A iniciativa comemorou o Dia de Cooperar (Dia C) – ação da Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina (Osesc) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop). Os participantes percorreram cerca de oito quilômetros em trilhas ao meio de uma natureza exemplar. No meio do caminho uma pausa, não para descanso, mas sim, para o plantio de árvores. “Nós podemos também cuidar da terra, cuidar da natureza” disse João Carlos Di Domenico, completando que, no trajeto percorrido foi possível notar a fertilidade da terra. “A gente viu que dá pra produzir, soja, aveia, trigo, pinheiro, madeira e mesmo assim, manter a natureza em dia, basta nos esforçarmos e cada um fazer um pouco”, ressaltou.

Adotar postura coletiva em benefício da sociedade, com práticas para o desenvolvimento sustentável deveria ser iniciativas desenvolvidas por todos os cidadãos. Como a realidade não é regra geral, atitudes assim precisam ser compartilhadas. “Esse dia é muito importante pra nós, pois, além de termos um momento muito agradável nessa caminhada, nós também precisamos vender isso. Não basta fazermos, precisamos mostrar que é possível fazer. Essa é nossa obrigação maior”, discursou o presidente da Coocam, durante o almoço de confraternização. João Carlos Di Domenico reforçou a necessidade de divulgar para todo o estado que Campos Novos é o Celeiro Catarinense do agronegócio, mas, mostrar ainda, que “os produtores prezam pelos cuidados com o meio ambiente e mantêm espaços no meio rural que podem ser aproveitados com caminhadas maravilhosas”.

O trajeto percorrido iniciou no Parque Ernesto Zortéa, seguindo uma trilha até a sede da Fazenda São João do Burity, local do almoço. Segundo João Carlos, a dedicação dos colaboradores da Coocam, envolvidos no evento e o apoio do Motoclube Bixo do Mato foi essencial para o resultado excepcional. O evento foi organizado pela diretoria da Sociedade Esportiva e Recreativa dos Funcionários e Associados da Coocam (SER Coocam), com apoio do Motoclube Bixo do Mato.

Dia C

Sensibilizar, mobilizar e convergir esforços, junto às Cooperativas, para promover e intensificar as ações voluntárias dos cooperados e colaboradores das cooperativas. Esses são os principais pilares do Dia C, iniciativa da Osesc e do Sescoop. A data oficial é o primeiro sábado do mês de julho, comemorando-se, também, o Dia Internacional do Cooperativismo. Com o tema “Atitudes simples movem o mundo”, os voluntários envolvidos mostram que cada um de nós, com suas habilidades e capacidades, tem o poder de transformar vidas e realidades.

Informações: Comunicação Coocam