Ao Vivo
 
 
Siga ao vivo

Política

7ª Zona Eleitoral de Campos Novos convoca eleitores para realizarem cadastramento biométrico

7ª Zona Eleitoral de Campos Novos convoca eleitores para realizarem cadastramento biométrico

Teve início em maio o cadastramento biométrico dos eleitores da 7ª Zona Eleitoral de Campos Novos. O cadastramento biométrico está sendo realizado no cartório eleitoral.  O sistema com leitor biométrico identifica as impressões digitais e impede fraudes. Quando comparecer ao cartório eleitoral, o eleitor tem as impressões digitais coletadas, a assinatura e a fotografia. O tempo para a realização do cadastramento é de 10 minutos, segundo o chefe do cartório eleitoral de Campos Novos, Arthur Otto Niebuhr.  O chefe do cartório eleitoral informou que uma intensa divulgação que está sendo realizada nos meios de comunicação, convocando a população a realizar o cadastramento biométrico. Segundo Arthur Otto Niebuhr, parcerias estão sendo realizadas com as prefeituras de abrangência da 7ª Zona, para trazer os eleitores até o cartório a fim de realizar o cadastramento biométrico. Até maio de 2018, o objetivo é atingir 25% dos eleitores cadastrados em cada município, media imposta pelo Tribunal Regional Eleitoral - TRE.  
“15 em Movimento”: presidente do PMDB de Santa Catarina vem a Campos Novos levantar as principais demandas e oportunidades da região

“15 em Movimento”: presidente do PMDB de Santa Catarina vem a Campos Novos levantar as principais demandas e oportunidades da região

Mauro Marini, Deputado Federal, presidente do PMDB acompanhado de outros líderes estaduais do partido, seguindo o roteiro “15 em Movimento”, criado para ouvir segmentos estratégicos, a fim, de levantar as principais demandas e oportunidades na região, esteve nesta sexta-feira (4), em Campos Novos. Entre as propostas defendidas por Mariani, estão os pré-candidatos do partido ao governo do estado, além de propostas na saúde, segurança e infraestrutura. Segundo o presidente, o PMDB terá candidato ao governo, sem aliança com PP e PT, ou seja, para 2018 o PMDB terá candidatura própria. Quando questionado em relação ao voto favorável ao arquivamento da abertura de investigação do presidente Michel Temer, Mariani disse que “Não podia ser diferente, se aprovado a saída de Temer, daqui a seis meses teríamos mais um presidente e depois outro. Totalizando fora o Michel Temer, mais três presidentes em um ano e meio, isso seria prejudicial à estabilidade do Brasil”. Participam da agenda do partido em Campos Novos, além do presidente estadual, os Deputados Federais Celso Maldaner e Valdir Colatto, o Deputado Estadual Romildo Titon, o vice-presidente da Agência de Fomento de Santa Catarina - Badesc, Justiniano Pedroso, entre outras lideranças. Durante o roteiro, a comitiva visitou a empresa Coopercampos, reuniu-se com empresários na Câmara de Dirigentes Lojistas  - CDL, finalizando a visita com um encontro partidário da região nas dependências do Poder Legislativo de Campos Novos.